Água

É, sobretudo, nos períodos de seca que o acesso à água se torna inexistente. Muitas vezes, não existem rios, lagoas ou locais de acumulação de água, sendo que as mulheres e as crianças, que têm a seu cargo esta árdua tarefa, são obrigadas a deslocar-se vários quilómetros, para encontrar um local de recolha de água. A água recolhida não é, na generalidade, potável e não são utilizados quaisquer meios que evitem as doenças provenientes desta água imprópria para consumo. Os serviços do Estado são inexistentes e as famílias não têm capacidade económica nem instrumentos que lhes permitam melhorar ou criar sistemas tradicionais de recolha água pluvial nas suas habitações.

ÁGUA

Lembra-se do projeto VIVA?
Com a ajuda de milhares de portugueses, conseguimos abrir 50 furos de água na região de Cacheu, na Guiné-Bissau.

Este foi um projeto VIDA que contou com o envolvimento direto das comunidades e famílias das tabankas mais necessitadas que agradecem a sua ajuda! Recorde aqui os passos que foram dados a caminho da concretização deste projeto.