30 anos de VIDA

30 anos cheios de projetos, desafios e histórias e, sobretudo, de pessoas que, a cada dia, renovam a nossa missão e o compromisso com as famílias e comunidades que mais precisam. 

“Plantar Vida na Guiné-Bissau”

A Rádio Renascença viajou até à Guiné-Bissau para conhecer a realidade dos lugares e das comunidades com que a VIDA trabalha todos os dias. 

Impacto

Conheça o impacto do nosso trabalho junto das comunidades na Guiné-Bissau e em Moçambique. 

3 anos depois do ciclone Idai

Conheça os resultados do projeto “Somos Moçambique” que desenvolveu uma estratégia integrada assente em três eixos – educação, saúde e geração de rendimentos – com as famílias do Bairro Manga Mascarenhas, na cidade da Beira.

Projetos atuais

Ur-GENTE - Centro de Artes Cénicas Transdisciplinar de Bissau

Este projeto no campo das artes e da cultura na Guiné-Bissau surge como uma resposta integrada e atual aos principais condicionalismos bloqueadores do desenvolvimento do setor cultural e seus agentes, tais como a carência de espaços para criação artística e cultural, a inexistência de formação artística e técnica, pouca relevância do país nas redes internacionais de arte e cultura, e ausência de uma Política Cultural nacional orientadora. Pretendemos tornar visível e efetivo o potencial cultural e artístico existente na Guiné-Bissau, de forma a afirmar o seu lugar no mundo e trazer benefícios concretos e sustentáveis para grupos específicos e para a população em geral.

Reforço dos Serviços de Ação Social para a prevenção e mitigação de situações de risco na Província de Maputo

1Planet4All

O projeto 1Planet4All – Empowering youth, living EU values, tackling climate change resulta de uma aliança de 14 organizações não-governamentais de toda a Europa que trabalham em alguns dos países mais frágeis do mundo afetados pelas alterações climáticas. Partindo desta vasta experiência, pretendemos promover a consciencialização e o entendimento crítico dos jovens europeus de 12 estados-membros da União Europeia em relação às alterações climáticas enquanto ameaça ao alcance dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, e inspirar o seu envolvimento ativo em ações concretas.

Jovens para a mudança: O desafio do desenvolvimento sustentável de Matutuine

Principais áreas de intervenção

%

Saúde

%

Desenvolvimento Rural

%

Educação

Testemunhos

Em todos os projectos, os homens e mulheres guineenses são actores do seu presente e do seu futuro e na equipa, curta mas muito dedicada e profissional da VIDA, encontram parceiros que os respeitam e envolvem. [mais]

Paula Borges

Jornalista, RDP África

É em conjunto com a população alvo do seu trabalho que decidem o que é premente, o que faz falta, o que pode ser melhorado, sempre a pensar no bem da comunidade. [mais

João Cunha

Jornalista, Rádio Renascença

Como Participar

Doações Individuais

Empresas

Escolas

Destaques

3 anos de 1Planet4All: Estamos no caminho da Mudança?

No dia 18 de janeiro de 2023 realizámos o evento “3 anos de #1Planet4All: Estamos no caminho da Mudança?”, um evento de balanço e partilha com as escolas secundárias, parceiros e financiadores do projeto europeu “1Planet4All”. A ativista climática Joana Guerra Tadeu, a Ambientalista Imperfeita, foi a “host” desta manhã bem animada.

Camponesas da Ilha de Moçambique continuam trabalho após fim do projeto

Em dezembro de 2022, terminamos o projeto “1000 dias de boa alimentação: De mãos dadas entre a agricultura e a nutrição pelas grávidas e crianças da Ilha de Moçambique”. Os campos de demonstração comunitários estão em pleno funcionamento, e as camponesas continuam a produzir as suas colheitas que lhe garantem mais e melhor alimento para as suas famílias.

COP27: Partir dos desafios globais para pensar as realidades locais

Entre 6 e 18 de novembro, líderes de todo o mundo reúnem-se na Conferência das Nações Unidas sobre Alterações Climáticas – a COP27, a decorrer no Egipto, com o objetivo de discutir e traçar metas globais para o combate às alterações climáticas. Os desafios são muitos, mas o relógio conta cada vez menos tempo para alcançar as metas climáticas… ou devemos falar de limites para a nossa vivência no planeta?

Iniciativas Locais para Transformações Globais